QUEM COMANDA

2 MULETA2 MULETA

Um dia,  um amigo ficou sem andar por uns tempos.

Aliás, andava, mas não com o comando dos pés. Utilizava-se de um par de muletas para se locomover. Querendo saber de sua saúde, mandei um recadinho:

– Você já está sendo comandado pelos seus pezinhos?

Depois que a mensagem se foi, fiquei a refletir… Ora, quem comanda é a cabeça, não os pés.

No dia seguinte encontrei no meu e-mail a resposta da mensagem que havia enviada. E ele dizia:

– Ainda estou comandado pelas muletas. Elas são teimosas. Não obedecem ao que meu cérebro informa. Quero ir para a direita e ela não flexiona, sempre duras, autoritárias, escolhendo o lugar para descansar. Ponho-as apoiadas numa cadeira e elas resolvem deitarem-se no solo. Enquanto isso meus pés acham graça:

– Viu? Em mim você mandava!

Continuei minha reflexão após essa leitura. Na verdade, é a cabeça quem manda. Mas, a cabeça manda bem quando se está ligada ao sistema. No caso do amigo, a cabeça mandava e os pés obedeciam. Isso quando o sistema corporal estava em perfeita harmonia. A muleta não faz parte do sistema, por isso é audaciosa, orgulhosa, não quer receber ordens.

Pensei cá com meus botões: ordem ninguém gosta de receber.

Aí pensei em sugerir ao amigo:

– Seja mais dócil com as muletas!

Será que surtiria efeito essa tática? Pensando bem, acho que não. Elas não fazem parte do sistema, esse é o problema. Daí, minha reflexão tomou amplitude e comecei a pensar no sistema educacional, no sistema empresarial, no sistema político. “O cabeça”, comandando bem, as pernas obedecem?

No caso do Brasil, por exemplo, o problema está na cabeça ou nos pés? Se o sistema não está a contento, não está em harmonia, os pés adoecem e temos que recorrer “às muletas”. E pela extensão do nosso país ele deve ter muitos pés. Nesse instante, estou comparando o nosso país como um “polvo” ou uma “lula”. Precisa de uma boa “cabeça” para comandar tantos pés ou tentáculos. Imagine esse sistema em “pane”a quantidade de muletas que serão necessárias, cada qual com sua autonomia, seu poder e seu autoritarismo!?

Isso seria o “caos”…

DO LIVRO “VOU TE CONTAR” – 2008
MARIA DILMA PONTE DE BRITO – APAL
CADEIRA 28
PATRONO LÍVIO LOPES CASTELO BRANCO
1ºOCUPANTE HUMBERTO TELES MACHADO DE SOUSA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s