Será nesta quinta-feira,  21,  em Teresina,  a posse do advogado,  empresário e escritor parnaibano Valdeci Cavalcante, na Academia Piauiense de Letras – APL.

Valdeci, eleito que fora em outubro passado,  ocupará a cadeira de nº 17 que tem como  patrono o médico, jornalista e político RAIMUNDO DE ARÊA LEÃO (1846-1904)  e que teve como último ocupante o também  parnaibano João Paulo dos Reis Velloso (1931-2019).

A solenidade de recepção e  posse deste novo imortal da APL acontecerá no Palácio da Justiça, no auditório do Tribunal de Justiça do Piauí.

O neo-acadêmico da APL também faz parte de  outras instituições do gênero no Estado, entre as quais a de sua terra natal,  a  Academia Parnaibana de Letras -APAL na qual ocupa a cadeira de n° 39  que tem como patrono  o seu genitor,  empresário, ex-vereador e ex-vice-prefeito de Parnaíba Gerardo Ponte Cavalcante.

SOBRE VALDECI CAVALCANTE

Nasceu em Parnaíba em 1952.   É advogado, formado pela Universidade Federal do Piauí. Possui Pós-Graduação em Direito do Trabalho, Administração de Recursos Humanos e Planejamento Educacional. É Professor Universitário, Empresário do Setor do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, 1º Vice-Presidente da Confederação Nacional do Comércio e Presidente do Sistema Fecomércio Sesc/Senac no Piauí. É Membro dos Conselhos Nacionais do SESC, SENAC e CNC; Presidente do Instituto Fecomércio de Pesquisa e Desenvolvimento – IFPD; Presidente do Conselho Consultivo da Junior Achievement; Presidente da Academia de Ciência do Estado do Piauí; Membro do Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Parnaíba; Membro da Academia Campomaiorense de Artes e Letras; Membro da Academia Parnaibana de Letras e Membro da Academia de Letras de Sete Cidades.

CONSIDERAÇÕES SOBRE A CADEIRA Nº 17

Valdeci Cavalcante será o quarto ocupante desta cadeira e o segundo parnaibano a ocupá-la. Os acadêmicos  que o antecederam na citada cadeira  foram os seguintes:

1º OCUPANTE: Odylo de Moura Costa (1873-1957). Posse na APL: 13.06.1921. Nasceu e faleceu em Teresina (PI). Escritor e jornalista, bacharel em Direito pela tradicional Faculdade de Direito do Recife (PE). Residiu no Maranhão, onde ocupou as funções de Secretário de Fazenda , Deputado Estadual e desembargador. Exerceu o Jornalismo em Teresina e em São Luís (MA). Foi juiz nos Termos de Santo Antônio e Flores, hoje Simões, no Maranhão, e também na Comarca de Loreto de São José dos Matões. Deputado Provincial. Escritor, ensaísta e conferencista. Redator do jornal A Cidade de Teresina.

2º OCUPANTE: Odylo Costa Filho (1914-1974). Posse na APL: 1969. Nasceu em São Luís (MA). Jornalista, contista, poeta, ensaísta e crítico literário. Bacharel em Direito pela Universidade do Rio de Janeiro. Secretário de Imprensa da Presidência da República no governo de Café Filho. Adido cultural da Embaixada do Brasil em Lisboa (Portugal). Como jornalista, era um articulista notável. Compositor de Jornais e revistas. Pertenceu a Academia Brasileira de Letras. Foi redator do Jornal do Comércio, fundador e editor do Políticas e Letras, diretor de A Noite e Tribuna da Imprensa e da Revista Senhor. Dirigiu a Rádio Nacional. Diretor de Redação de O Cruzeiro.

3º  E ÚLTIMO OCUPANTE  João Paulo dos Reis Veloso (1931-2018). Nasceu em Parnaíba (PI), em 12.07.1931. Posse na APL: 30.04.1981. Economista e professor reconhecido no Brasil, na América Latina e em países do continente europeu. Dos estudos básicos no Ginásio São Luiz Gonzaga, em Parnaíba, tornou-se PhD pela Universidade Americana de Yale (EUA), granjeando o primeiro lugar. Ministro-chefe da Secretaria de Planejamento da Presidência da República, Presidente do Fórum Nacional. Autor de mais de uma dezena de estudos apontando alternativas para o desenvolvimento econômico do Brasil. Professor de Pós-Graduação da Faculdade Getúlio Vargas. Participou do projeto de criação do Instituto do Cinema e do Museu de Arte Moderna. Bibliografia: Brasil – Solução Positiva; O Último Trem em Paris; Dívida Externa tem Solução; As Opções do Novo Governo; A Solução do Corredor de Longa Distância.

Com a posse de Valdeci Cavalcante na cadeira que foi ocupada pelo ex-ministro João Paulo dos Reis Velloso, a Academia Piauiense de Letras continuará tendo três parnaibanos membros da Academia Parnaibana de Letras ocupando cadeiras naquele sodalício. São eles:  Alcenor Candeira Filho (cadeira 19) e Assis Brasil (cadeira nº 36).

Sobre o antecessor da cadeira 17,  Valdeci Cavalcante escreveu o livro João Paulo dos Reis Velloso – Sonhos, Virtudes e Realizações que foi  lançado aqui em Parnaíba no dia 16 de agosto, durante a inauguração do complexo Gerardo Ponte Cavalcante, bairro Aeroporto que abriga os prédios e instalações da Federação do Comércio, Bens, Serviços e Turismo do Estado do Piauí, – FECOMÉRCIO – PI.

Reis Velloso foi um parnaibano que muito honrou seus conterrâneos e a cadeira que por ele foi ocupada, será preenchida por outro parnaibano ilustre, o qual tem uma vida pautada em ajudar pessoas, principalmente sue conterrâneos e que  muitos benefícios tem trazido para sua terra natal, como por exemplo a criação de uma escola militar na cidade e a revitalização do prédio da União Caixeiral criando o Centro Cultural João Paulo dos Reis Velloso que muitos benefícios tem trazido à sociedade paranaibana no setores da educação e da cultura.

Uma caravana de parnaibanos, membros da Academia Parnaibana de Letras, membros da Maçonaria, de clubes de serviços e de pessoas da sociedade local estará   em Teresina prestigiando a posse deste conterrâneo do qual a cidade muito se orgulha.

Assim como Reis Velloso, Valdeci Cavalcante é também, reconhecido nacionalmente, tendo em vista ser o primeiro vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio – CNC.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s