IHGGP.  Enverga, mas não cai.

 

reginaldo1

 

Por WILTON PORTO.

 

O Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Parnaíba (IHGGP) não difere de nenhum outro de qualquer região. É um velador dos acontecimentos do nosso dia a dia, que com base em pesquisas, estudos e registros, os seus integrantes e pessoas outras convidadas vão deixando nas estantes da entidade e na memória do povo.

 

Um instituto nesse nível não é algo morto. O movimentar-se é constante, diário. Fonte de pesquisa, todos os dias têm-se historiadores, estudantes, intelectuais tantos, buscando se inteirar dos novos acontecimentos, assuntos que marcarão a história da cidade.

reginaldo

O instituto de Parnaíba bem que poderia prestar melhores serviços aos pesquisadores. O que vem fazendo neste momento, temos que agradecer aos esforços imorredouros do presidente Reginaldo Júnior, que praticamente, usando de amor franciscano, amor que se veste de amor à cidade e ao patrimônio físico e histórico de Parnaíba, de forma plausível e merecedora de todos os aplausos, vem insistindo em dar o melhor de si, para que as portas da entidade não se fechem. E, por isso, digo: graças a eles e uns poucos, o IHGGP enverga, mas não cai.

 

Resolvemos entrevistar Reginaldo Júnior e o deixamos à vontade para responder algumas perguntas, com o intuito de publicar no Jornal O Piagui. O resultado do nosso questionário, vamos ler abaixo. Deixamos as respostas do jeito que ele bem entendesse. Não respondeu pergunta por pergunta. Como jornalista que é, assim, ele enviou-me a reposta ao questionário:

 

O IHGGP, mesmo em situação decadente, continua prestando serviços à sociedade parnaibana. As portas da instituição são abertas às 7h30min e somente fechadas às 17h, de segunda a sábado, atendendo estudantes, professores e visitantes do estado e de várias regiões do Brasil.

 

Devido os inúmeros arrombamentos e o descaso de nossas autoridades de nosso município com a cultura e a nossa história, estamos trabalhando com apenas quatro salas. As outras foram deterioradas pelo vandalismo que o atual prefeito implantou no local da antiga Biblioteca Pública. Estamos tentando reorganizá-las, para colocar à disposição de nossos visitantes.

reginaldo2

 

PROBLEMA TRABALHISTA

 

Deixamos de cobrar a mensalidade dos sócios, devido o problema trabalhista. Estamos impossibilitados de concorrer aos editais ou receber subvenções do estado, ou do município. Para manter aberto, tenho que tirar do próprio bolso.

 

A pesar da situação, estamos fazendo uma limpeza geral e restaurando as portas, janelas, pinturas e quintal, para voltarmos a desenvolver as atividades culturais.

 

ARROMBAMENTOS

 

Foram 21 arrombamentos. 16, Após a implantação do Centro Pop, que substituiu a Biblioteca Pública Municipal. Os prejuízos foram muitos. Levaram mais de 50 por cento de nosso acervo, incluindo móveis e objetos antigos.

 

*CENTRO POP

 

O Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua – Centro Pop – representa um espaço para o convívio grupal, social e para o desenvolvimento de relações de solidariedade, afetividade e respeito. Em Parnaíba foi inaugurado em outra sede, área central da cidade, no dia 17 de junho do corrente ano, pelo prefeito de Parnaíba, Francisco de Assis Moraes Souza – Mão Santa e dona Adalgisa Moraes Sousa, Secretária do Desenvolvimento Social e Cidadania (fonte: internet, buscado pelo entrevistador).

 

ENVERGA, MAS NÃO CAI.

 

Embora a situação crítica, que nos encontramos, a entidade continua aberta, prestando serviços e atendimento à nossa população: orientando e fornecendo material para trabalhos científicos a estudantes, pesquisadores e professores.  Estamos, também, participando, constantemente, de várias atividades externas, além de colaborarmos com a preservação de nosso patrimônio cultural.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s